Cântico vulgar

Bem mais alto que todas minhas expectativas,
nu estaria em busca de um sentido!
No alto daquela torre,
nos caminhos rente ao mar.
Nos dias de lamentações,
no escuro de um quarto vulgar,
nu estaria em busca de um sentido.

As primeiras notas, sensações taciturnas.
notas carveólicas, frívolas  e irritantes
daquele que nunca foi ou será!


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pax

Ósculo

Necrochorume

Hirto

Último respiro

Canção do Exílio a Dom Bertrand

Retambana de pesares

Prasãda