Mahalakshmi

Estive com Maha Lakshmi,
toquei sua pele,
em seus olhos a transparência,
a complacência.

Seda preciosa e perfumada
toque sutil e intenso,
pelo fogo e confortável,
pela sua permissão

Terás, algum dia vivido isto, Fédon?
Terás de fato vivido?
Ou vivestes apenas para saciar seus desejos primais?

Não existe outra maneira,
Após o arco-íris,

salte da janela e encontre-a.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Hirto

Ósculo

Pax

Necrochorume

Tarsila e Pagu

Último respiro

Oniquito

Buddhyahaṅkāra

Canção do Exílio a Dom Bertrand