Evocação lírica

A métrica é fática e lesada
À pratica transcende-a, ópio!
Sofre-te, a cada dia, um hipópio,
moribundo rumo, mente brocada!

Em mais um dia, uma singela cantata,
conta-se as rima, como um larápio?
Conta-me segredo que ocupe mais espaço!
Horas passadas sem nenhuma serenata...

Ó, Orpheu! Se não foste eu?
Calíope, Erato, musa Polímia...
Apesar de tudo, se não foste, eu?

Ó,leva-me Tália aos Pirineus?
Regras e elementos, holonímia
No avançar da hora, benzadeus!

(ARCHANGELO, A. Ápeiron, Ed. Buriti, 2019)



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Hirto

Ósculo

Pax

Necrochorume

Tarsila e Pagu

Último respiro

Oniquito

Buddhyahaṅkāra

Canção do Exílio a Dom Bertrand