Novamente

Teus olhos,
minha querida.
Não vão me enganar!

Último suspiro...
Palavras que não atingem,
querida!


Tudo retorna,
déjà vu eterno
Não podes criar novas ciladas?


És tão incrédula...
Quanto mais pensa,
mais me conhece?

Engana-te

Já ficou para trás...
E algum tempo depois,
retornará!


(ARCHANGELO, A. Ápeiron, Ed. Buriti, 2019)


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Necrochorume

Último respiro

Canção do Exílio a Dom Bertrand

Pax

Ósculo

Retambana de pesares

Hirto

Prasãda